. Notícias


 

11.04.2016

ESCOLAS CONTINUAM SEM PROFESSORES

 

Nesse início de ano letivo bagunçado, em diversas oportunidades, os secretários de educação e de administração tentaram responsabilizar o Conselho de Educação pela desordem, quando afirmavam que para eles o ano letivo deveria começar em 1º de março e o CME “não quis”.

Pois bem, passou 1º de março, passou 1º de abril e escolas ainda estão sem profissionais para de fato os alunos terem aulas dentro da normalidade. Faltam professores, pedagogos, ASG’s, coordenadores, enfim... Uma bagunça!

 

Agora é ficar de olho para ver como serão repostas essas aulas perdidas, principalmente na EJA. E acreditamos que o secretário de educação será rigoroso, assim como ele foi rigoroso na reposição dos dias de greve em anos anteriores.

   

 

Versão Impressa - Jornal Sind Serv

"Criando a sua empresa na internet" Mail